PostHeaderIcon Mangal das Garças

Avaliação do Usuário: / 706
PiorMelhor 

Resultado da revitalização de uma área de 40.000m2, o local reproduz num espaço naturalístico as diferentes macro-regiões da flora paraense: as matas de terra firme, as matas de várzea e os campos. O parque harmoniza aspectos de prazer e comodidade.

O visitante tem a chance de fazer o olhar sobrevoar pontos especiais como o grande lago central, os caminhos sinuosos, os canteiros coloridos, as áreas de estar e os equipamentos de lazer e serviços. Os lagos artificiais do complexo receberam aves pernaltas, marrecos e quelônios criteriosamente selecionados. Recantos com caramanchões em madeira criam oásis de sombra perfeitos para o descanso.

O Armazém do Tempo, logo na entrada do parque, é um antigo galpão de ferro, usado como oficina mecânica no reparo de embarcações, que foi restaurado para abrigar um ambiente alternativo. Nele, podemos comprar plantas, artesanatos, livros e CDs de artistas paraenses ou somente saborear um café.

Para quem quer aproveitar o passeio na hora do almoço, o Mangal oferece o melhor da culinária paraense e internacional no Restaurante Manjar das Garças. O Mangal também dispõe de quiosques com venda de lanches variados.
Funcionamento: De terça a domingo, das 7h às 17h (área externa) e das 9h às 17h (espaços monitorados).

Acesso: Entrada franca para o parque. Para os espaços monitorados, ingressos a R$ 2 (cada) ou R$ 6 (preço único). Às terças-feiras, entrada franca em todos os espaços.

Estacionamento: 107 vagas. Valores: R$ 2,50 (primeiras duas horas ou fração) e R$ 1,50 (a partir da terceira hora ou fração)

Restaurante Manjar das Garças: Funcionamento das 12h às 3h (quinta a sábado) e das 12h a 0h (domingo, terça e quarta).

Endereço: Pass. Carneiro da Rocha, ao lado do Arsenal da Marinha - Cidade Velha
Tel: (91) 3242-5052

 

Mangal das Garças