PostHeaderIcon Quadrilhas juninas dão mais um show na praça Waldemar Henrique

Avaliação do Usuário: / 8
PiorMelhor 

A magia da festa junina tomou conta, mais uma vez, da praça Waldemar Henrique. Na noite de quinta-feira (18), três quadrilhas mirins e dez adultas esbanjaram criatividade e simpatia no concurso oficial de Quadrilhas Juninas, realizado pela Prefeitura de Belém, via Fundação Cultural de Belém (Fumbel). Este ano, 186 quadrilhas adultas concorrem ao título de “As 15 melhores da Quadra Junina 2009”, e as 51 mirins inscritas concorrem para ficar entre as cinco melhores da categoria.

A primeira quadrilha mirim a se apresentar foi a “Carinha de Anjo”, do bairro do Jurunas. Na concentração, a coordenadora do grupo, Neide Maciel, fazia os últimos lembretes às crianças, tomadas pela ansiedade. Segundo a coordenadora, a preparação para a Quadra Junina dura quase o ano todo. “São muitos ensaios, muita dedicação, isso cria uma grande expectativa. O concurso da Fumbel é muito especial e importante para as crianças”, disse. A brincante da “Carinha”, Carolina Gabriela, não escondia a emoção. “Meu coração está quase saindo pela boca. Estou ansiosa, mas acredito que tudo vai dar certo”, revelou.

Após a colorida e animada apresentação da “Carinha de Anjo”, foi a vez da quadrilha “Balancê Junino”, do Guamá, brilhar no Piano Palco. Um dos destaques foi a candidata à Miss Simpatia, Marcela Domingues, de apenas 7 anos. Ao som de “Gabriela”, clássico da música brasileira, Marcela dançou graciosamente e arrancou aplausos da platéia.

A quadrilha “Pequenos Reluzentes”, do bairro do Guamá, encerrou as apresentações mirins da noite. O grupo já esteve entre os vencedores do concurso da Fumbel por duas vezes e busca a terceira conquista. “Estamos confiantes na vitória”, afirmou Breno Lucas, que já dança no grupo há três anos.

Mas a festa não parou por aí. As quadrilhas adultas também deram seu show na noite desta quinta-feira. A sincronia de movimentos, a criatividade e o capricho marcaram as apresentações da categoria “adulto”.
Mesmo depois de viajar mais de três horas, os “Caipiras do Sal”, de Salinópolis, mostraram muito fôlego e disposição. A empolgação dos “gritos de guerra” cantados pelos quadrilheiros e os movimentos inovadores cativaram o público. “O melhor da ‘Caipiras’ é ser diferente”, comemora Francisco Menezes, da diretoria do grupo.

Durante a perfomance da quadrilha “Remelexo Chamegoso”, do Benguí, o olhar atento do estudante Leonardo Pereira não deixou dúvidas sobre sua torcida. Morador do bairro há sete anos, ele acompanhou todos os ensaios do grupo, e afirma que só não saiu na quadrilha por falta de tempo. “Eles são todos meus amigos. Infelizmente, esse ano não posso estar lá, mas torço por eles”, comentou.

As demais quadrilhas que animaram a praça nesta quinta-feira foram: “Mistura Paraense”, do Tapanã; “Sonho Junino” e “Impacto Junino”, ambas de Ananindeua; “Sorriso Salinense”, de Salinópolis; “Nova Geração”, de Icoaraci; “Explode Coração”, de Santo Antônio do Tauá; “Sabor Açaí”, do bairro do Telégrafo, e “Frutos do Betânia”, de Barcarena. Apenas as quadrilhas “Esperança Junina”, de Abaetetuba, e o Grupo Cultural Raízes Nativas, de Barcarena não compareceram e foram desclassificadas, de acordo com o regulamento do concurso.

Na avaliação do presidente da Fumbel, Raimundo Pinheiro, o evento tem surpreendido a cada dia. “O público participa bastante de toda a programação, e a expectativa é que as pessoas compareçam cada vez mais. A organização da festa e a qualidade das apresentações juninas são ingredientes essenciais para este sucesso”, finalizou.

Serviço - O Concurso Oficial de Quadrilhas Juninas da Prefeitura Municipal de Belém 2009 vai até o dia 27 de junho, no Piano Palco da praça Waldemar Henrique, sempre a partir das 16h.

Quadrilhas juninas dão mais um show na praça Waldemar Henrique